104 FM - A mais legal!

Jornal 104FM

Tribunal suspende sessão que analisava as contas do governador


O Tribunal de Contas de Minas Gerais (TCE) suspendeu a sessão desta quarta-feira (5) que julgava o processo referente às contas de 2017 do governador Fernando Pimentel (PT). Durval Ângelo, quinto dos seis componentes do corte de contas a emitir voto, pediu vista do processo.

O conselheiro foi indicado ao cargo pelo governador e foi líder de governo na Assembleia Legislativa de Minas Gerais quando exercia o mandato de deputado estadual pelo Partido dos Trabalhadores.

A análise estava ocorrendo em sessão extraordinária com a finalidade de emitir parecer prévio sobre o balanço geral do estado. Em caso de empate, cabe ao presidente Cláudio Terrão o voto decisivo.

O regimento interno do Tribunal de Contas prevê o prazo de 30 dias para que o processe retorne à pauta de votação.

Fonte: G1